lp-fevereiro-imagem-texto-previdenciario-post-02

Novidade no seguro-desemprego

Muito se tem falado sobre as muitas mudanças da previdência e quais as novas regras que ditarão o futuro dos trabalhadores em geral. Uma novidade que a Medida Provisória n° 905/2019 trouxe foi que o trabalhador que estiver recebendo o seguro-desemprego passa a ser considerado segurado obrigatório da Previdência Social durante os meses em que

lp-janeiro-imagem-texto-civel-post-01

Como fica o direito real de habitação após a constituição de nova união

O Superior Tribunal de Justiça – STJ decidiu recentemente que o direito real de habitação, após morte do cônjuge, cessa com a constituição de nova união estável pelo cônjuge sobrevivente. Até então, o cônjuge sobrevivente tinha o direito de permanecer residindo no imóvel adquirido pelo casal sem qualquer encargo perante os demais herdeiros. Agora com

lp-dezembro-imagem-texto-civel-post-04

É possível fazer o inventário extrajudicial mesmo quando houver testamento

O STJ – Superior Tribunal de Justiça – decidiu recentemente que o inventário pode transcorrer por via extrajudicial, mesmo quando houver testamento. O relator do caso, Ministro Luis Felipe Salomão, ressaltou que, sendo os interessados maiores de idade e capazes e estando em plena concordância e devidamente acompanhados por advogados, o inventário poderá ser feito

lp-dezembro-imagem-texto-civel-post-02

Portabilidade de Plano de Saúde: conheça as novas regras

A grande novidade da Resolução Normativa nº 438 da Agência Nacional de Saúde (ANS) é a possibilidade de realização de portabilidade para os beneficiários de plano de saúde na modalidade coletivo empresarial, podendo alterar o plano ou trocar de operadora sem cumprir novas carências. Com esta nova Resolução Normativa, também deixou de existir a obrigatoriedade

lp-novembro-imagem-artigo-previdenciario-post-09

Como calcular o valor da sua aposentadoria depois da Reforma da Previdência?

A Nova Previdência é iminente. Já foi aprovada no Congresso Nacional e está apenas aguardando promulgação. Será necessário adequar-se às novas regras para minimizar os prejuízos. Uma das significativas alterações é justamente no bolso do segurado, ou seja, no cálculo do valor mensal da aposentadoria. Nas regras atuais, o valor da aposentadoria dos trabalhadores que

lp-novembro-imagem-texto-civel-post-02

Testamento Público – O que você precisa saber

O testamento é a forma pela qual alguém dispõe de seus bens ou manifesta sua vontade acerca de determinadas situações de ordem moral ou pessoal para depois de sua morte. Em regra, o testamento tem caráter patrimonial, porém pode conter outras disposições de ordem não patrimonial como, por exemplo, o reconhecimento de filho. Há diversos

lp-outubro-imagem-artigo-previdenciario-post-09

Comunicação de Acidente do Trabalho – CAT

Os acidentes de trabalho ou as doenças ocupacionais são caracterizados pela relação direta com a atividade desempenhada, haja vista serem desencadeados ou produzidos no ambiente de trabalho ou a serviço do empregador e muitas vezes resultam no abalo à integridade física ou emocional do empregado. Por essa razão, se faz necessária a compreensão dos direitos

lp-outubro-imagem-artigo-previdenciario-post-08

O que é a Reabilitação Profissional e como ela funciona?

A reabilitação profissional é um direito fundamental que decorre do direito constitucional do trabalho. Segundo a Instrução normativa do INSS, “Reabilitação Profissional visa proporcionar aos beneficiários, incapacitados parcial ou totalmente para o trabalho, em caráter obrigatório, independentemente de carência, e às pessoas portadoras de deficiência, os meios indicados para proporcionar o reingresso no mercado de

lp-setembro-imagem-artigo-trabalhista-post-11

Empresas digitais de transporte X motoristas prestadores de serviço: o dilema jurídico da possibilidade de reconhecimento de vínculo empregatício

Um assunto que está sob holofotes no ambiente jurídico trata da obrigatoriedade – ou não – de ser formalizado vínculo de emprego entre os trabalhadores da chamada “gig economy” (algo que pode ser traduzido como “economia de bico”) e as empresas que prestam serviços eletrônicos e privados de transporte, como o Uber. No Brasil, o