Quero me aposentar, e agora?

Ao menos uma vez na vida você já deve ter se questionado sobre quanto tempo falta para você se aposentar, não é mesmo? Por isso, se você faz parte do time que quer se aposentar e quer saber o melhor caminho até a concessão do benefício esse conteúdo é para você.

quero-me-aposentar-e-agora

Você começa a analisar o seu histórico de contribuições e fica confuso se já trabalhou tempo suficiente para requerer a aposentadoria, se já tem a idade mínima exigida ou se você se enquadra em uma das regras de transição que a Reforma da Previdência prevê? 

Fique tranquilo, é muito comum ter dúvidas quanto às regras de aposentadoria em razão das frequentes mudanças que ocorrem na lei ao longo dos anos.

O que você precisa saber e estar atento é que ir atrás de informações corretas sobre essas novas regras e requisitos para a concessão da aposentaria pode fazer a diferença no momento em que você for se aposentar.

Quero me aposentar e agora?

O primeiro ponto que você precisa ter em mente é que estar assessorado de um advogado especialista em Direito Previdenciário pode fazer a diferença nesse momento e proporcionar que você se aposente antes mesmo do que imagina e receba um valor de benefício mais vantajoso do que pensava. 

No nosso canal do Youtube você encontra "5 motivos para pedir ajuda de um advogado previdenciário" e pode entender como uma visão profissional sobre o seu histórico de contribuições pode ser decisivo nesse momento. Para assistir, clique aqui.

Nós já falamos em outros momentos, mas o Planejamento Previdenciário, a partir da Reforma da Previdência ocorrida em 2019, bem como das alterações subsequentes, tornou-se o melhor amigo do segurado.

Isso porque ao planejar a sua aposentadoria, você passa a ter uma projeção organizada sobre quais são os caminhos que você pode seguir.

Afinal, será que vale a pena seguir contribuindo no teto previdenciário se isso está prejudicando a sua renda familiar no momento presente? Contribuir todos os meses ou somente contribuir de forma a manter a condição de segurado?

Por exemplo, você já parou para pensar se as contribuições que você fez até aqui vão propiciar a você um valor de aposentadoria que mantenha a qualidade de vida que você tem hoje? 

Não se assuste, você não é o único a não pensar nos impactos da forma e do valor das suas contribuições para a sua futura aposentadoria, mas essa realidade está mudando, pois cada vez mais segurados estão percebendo, ao pensarem “quero me aposentar”, que o melhor caminho é traçar uma meta por meio de um planejamento previdenciário

O que é Planejamento Previdenciário?

Em "Como ter a melhor aposentadoria" explicamos como o Planejamento Previdenciário pode ajudar você a alcançar a aposentadoria que deseja.

Você sabia que a maior parte dos brasileiros, uma vez concedida a aposentadoria, não consegue manter o seu custo de vida anterior? Ou seja, o brasileiro não pensa de forma prévia qual será a sua renda futura e se essa renda vai ser suficiente para pagar os seus custos diários. 

Por isso a importância de pensar de forma prévia, por meio da confecção de um planejamento previdenciário, em como seguir contribuindo ao INSS para atingir a meta de aposentadoria que você deseja. 

O Planejamento Previdenciário é um estudo aprofundado sobre toda a sua trajetória até aqui.

Caso você seja empresário, acesse “Planejamento previdenciário para empresário: Um olhar macro”.

Por meio do planejamento será analisado

  • o número de contribuições realizadas;
  • os vínculos de emprego que você já teve;
  • a sua expectativa de vida na data estimada para a aposentadoria;
  • a sua expectativa quanto ao valor que deseja receber de aposentadoria;
  • os tipos de atividades que você realizou ao longo da vida (se nociva a sua saúde, se rural, etc...);
  • se há maneiras de aumentar o seu tempo de contribuição (Clique aqui e entenda como aumentar o seu tempo de contribuição) https://www.lp.com.br/blog/aumentar-tempo-de-contribuicao;
  • quais as regras de transição que se encaixam no seu caso, entre outros;

Com esse estudo, será possível organizar a sua vida contributiva e evitar que você faça recolhimentos desnecessários, por exemplo.

O Planejamento Previdenciário apresenta, por meio de cálculos, todas as soluções possíveis para o seu caso levando em consideração a sua situação atual, bem como o tempo de contribuições que ainda tem pela frente. 

Com o manual em mãos, você escolhe qual o caminho entende mais vantajoso para o que você deseja atingir. 

Exemplo prático de um Planejamento Previdenciário

Imagine dois segurados homens, ambos de 50 anos de idade, com 15 anos de contribuição pelo salário mínimo e atualmente profissionais autônomos, com renda apenas eventual e baixa.

A intenção de ambos é alcançar o mesmo valor de aposentadoria (1 salário mínimo), mas seguirão distintos caminhos até lá. 

O Segurado que procurou ajuda de um advogado especialista no tema e planejou a sua aposentadoria investiu R$ 3.999,60. Isso ocorreu porque ele projetou apenas as contribuições e alíquotas necessárias para obter a aposentadoria aos 65 anos de idade no valor de um salário mínimo.

O outro, desinformado, seguiu realizando contribuições mensais por mais 15 anos sobre um salário mínimo e investiu R$ 43.632,00 para também se aposentar com um salário mínimo. 

Parece impossível, não é mesmo? Mas não é, esse é o resultado de analisar o melhor caminho até a concessão da sua aposentadoria economizando tempo e dinheiro de forma que o valor investido no INSS te dê o melhor retorno sobre esse investimento.

Quer saber mais? Converse com um de nossos advogados especialistas no tema aqui.

Quero me aposentar, mas será que ainda tenho tempo para planejar a melhor forma?

Quero me aposentar, nunca fiz um planejamento previdenciário, e agora? Posso recuperar o tempo perdido?”.

Essa preocupação tem sido a de milhares de segurados quando descobrem o “milagre” que um bom planejamento pode oferecer.

A boa notícia é que não tem tempo para você correr atrás do prejuízo, ao contrário, o quanto antes você o fizer mais dinheiro e tempo você poderá economizar nos próximos anos. 

Quer conhecer melhor sobre o atendimento previdenciário online e planejar a sua aposentadoria hoje mesmo? Clique aqui e fique por dentro de como funciona esse tipo de atendimento.

Caso você queira entender também "Como saber quanto tempo falta para se aposentar", assista:

Por que agendar uma consulta previdenciária?

O advogado previdenciário é o profissional que diariamente está em contato com casos muito parecidos com o seu, tem conhecimento sobre a forma como os tribunais vem julgando questões previdenciárias, e também como o próprio INSS tem agido na via administrativa, diferentemente de um advogado generalista, por exemplo.

Em “Pedido de Revisão INSS”, explicamos que embora o INSS tenha o dever de conceder a melhor aposentadoria para você, é comum ocorrer equívocos, e o advogado é o profissional que poderá evitar que esses equívocos ocorram e que você tenha concedida a melhor aposentadoria. 

São muitas as soluções que podem ser encontradas por meio da análise de toda a sua vida previdenciária e você precisa estar atento a isso para não perder mais tempo e dinheiro. 

Contamos com uma equipe de advogados previdenciários em constante atualização e qualificação para analisar o seu caso específico e planejar a aposentadoria que você deseja obter.

Caso você queira uma análise completa, clique aqui e consulte agora mesmo com um de nossos advogados previdenciários e ele responderá a todas as suas perguntas.

Para conhecer mais sobre nossa expertise em todos os temas de Direito Previdenciário clique aqui

Assista também em nosso canal do YouTube o vídeo em que explicamos “O que é Planejamento Previdenciário”:

Your cart
    Checkout